Davi quer representar a Juventude na Câmara de Vereadores

66

Jovem de 21 anos foi eleito vereador pelo PP e se torna umas das promessas da política do município

Içara

A nova formação da Câmara de Vereadores de Içara para a legislatura de 2021 a 2024 será empossada no dia 1º de janeiro e terá entre os eleitos um jovem de 21 anos, que disputou o pleito pelo Partido Progressista (PP) e conseguir se eleger com 847 votos. Sua conquista causou surpresa para muitos no município, mas ele acredita que foi fruto do trabalho e da ideia lançada no mês de fevereiro de 2020.

Davi Inácio Nazário leva como principal bandeira para o trabalho a ser realizado nos quatro anos representar bem a juventude, pois acredita que o futuro do país será o jovem e por isso pretende incentivar no seu mandato que mais jovens tomem iniciativa e coragem de entrar na política. Para a prefeita eleita Dalvânia Cardoso a aposta no Davi significa renovação e sem amadorismo, pois aponta que o jovem eleito foi criado no trabalho, estudante e tem uma boa base familiar.

Para Dalvânia, Davi vai apresentar este perfil na Câmara de Vereadores fazendo sempre o trabalho com princípio e valores. “Nós acreditamos e apostamos no Davi e a resposta está aí com ele conseguindo esta vitória”, pontua a prefeita. Davi também pretende honrar cada voto recebido e a confiança de todos que apostaram em seu nome como candidato. 

Jornal Gazeta – Como surgiu o gosto pela política?

Davi Inácio Nazário – Sempre gostei de política, sou graduando em economia na Unesc, e o curso tem a ver também com o assunto. Sempre lia sobre política, fazia a correlação entre economia nacional e política nacional. As duas caminham juntas. 

Gazeta – Porque se filiou ao PP e há quanto tempo está nele?

Davi – Minha única filiação é do PP e foi em fevereiro de 2020. Filiei-me ao PP por seu posicionamento ideológico e por aceitar o convite de ser candidato a vereador nas eleições de 2020. O partido me recebeu bem e me deu boas condições para que chegasse ao objetivo.

Gazeta – Quem fez o convite para ser candidato a vereador?

Davi – O convite veio de um grupo de pessoas aqui da Vila Nova. Comerciantes, pessoas tradicionais da Vila Nova e de outras localidades em fevereiro de 2020. Agradeço desde já, a confiança que cada um depositou em mim naquele momento.

Gazeta – Quais as dificuldades encontradas na campanha, além da pandemia da Covid-19?

Davi – Foi uma campanha atípica, sem alguns movimentos tradicionais, mas no geral seguimos o nosso planejamento desde o início, que era usar as redes sociais para chegarmos em todos os lares da cidade, sei que meu santinho (panfleto) não chegou a todos os lares de Içara, até porque não fiz a tradicional panfletagem, mais acredito que boa parte dos munícipes me conheceu e soube dos meus objetivos via internet.

Gazeta – Foi uma surpresa conseguir ser eleito?

Davi – Trabalhamos muito, nos organizamos muito para termos o êxito, e por conta deste empenho, para mim não foi surpresa, sabíamos do nosso potencial, mais é claro que tínhamos dúvidas, afinal era uma experiência nova para mim, mais o trabalho foi feito, e os frutos foram colhidos, conseguimos o objetivo.

Gazeta – Quais suas principais bandeiras para a próxima legislatura?

Davi – Defendo muito a participação da juventude no pleito, quero fazer um mandato participativo e transparente. Quero incentivar o empreendedorismo, além das várias bandeiras levantadas durante a campanha, todas estão explícitas em minhas redes sociais.

Gazeta – Alguma defesa especial para o bairro Vila Nova?

Davi – O bairro Vila Nova carece de algumas situações. Somos o terceiro maior bairro da cidade e temos uma creche que foi construída há mais de 20 anos, um posto de saúde que merece ser melhor aproveitado. Uma parte da Vila Nova sofre com chuvas por conta do rio que corta o bairro.  O comércio da Vila Nova é sólido e bem movimentado e merece uma boa representatividade.

Gazeta – Como avaliou a vitória da prefeita Dalvânia Cardoso?

Davi – A Dalvânia está na estrada trabalhando não apenas um ou dois anos. Ela está há oito anos fazendo sua plantação, como a própria diz. Ela mereceu, e agora vai deixar sua marca na cidade. Fez história, sendo a primeira mulher eleita prefeita na história da cidade. Confio no potencial e preparo dela.

Gazeta – Qual a expectativa para o mandato da prefeita?

Davi – Com certeza a melhor expectativa possível. Sabemos do tamanho de Içara e temos que trabalhar a altura da cidade. Acredito que seja um outro jeito de gestão, mais enxuto, dinâmico e objetivo.

Gazeta – Quem você gostaria de agradecer pelos votos que o elegeram?

Davi – Quero aproveitar a oportunidade para agradecer a minha família, que sempre esteve do meu lado, a família da minha namorada, o grupo que me abraçou desde o início e que foi o pilar de sustentação da eleição, e é claro, agradecer aos 847 votos. São 847 pessoas que me escolheram para ser o representante delas durante os quatro anos, muito obrigado Içara.