Balneário Rincão e Araranguá estudam convênio

20

Localidade fica no limite dos dois municípios e moradores reclamam da falta de atendimento por parte de Araranguá

Os moradores da localidade de Barra Velha que pertencem ao município de Araranguá já realizaram diversas tentativas de anexar a área ao município de Balneário Rincão. Todas as tentativas são barradas pelas lideranças de Araranguá. Em uma das tentativas, o projeto de anexação chegou a ser enviado à Câmara de Araranguá para aprovação, quando Balneário Rincão ainda pertencia a Içara, mas a votação chegou a virar caso de polícia, pela rejeição dos vereadores araranguaense. Os moradores de Barra Velha, que haviam lotado o Legislativo, ficaram revoltados com a negativa e tiveram que ser contidos pela polícia.

No começo deste ano, nova tentativa de anexação, mas o próprio prefeito Mariano Mazzuco, de Araranguá, que recebeu a comitiva rinconense, não levou a ideia adiante. Com a frustração da não anexação, a comitiva rinconense foi buscar uma solução para que os moradores possam ser assistidos pelo menos nos serviços básicos, como o recolhimento do lixo e a manutenção das estradas. Na última semana, o prefeito Jairo Celoy Custódio e mais os representantes de Barra Velha levaram uma proposta da celebração de um convênio entre as duas prefeituras para que o atendimento fosse realizado por Balneário Rincão.

De acordo com o presidente da Câmara de Balneário Rincão, Mauri Viana, a proposta encaminhada para Araranguá para que Balneário Rincão preste os serviços é da liberação de R$ 20 mil de entrada para a recuperação imediata de todas as estradas e mais R$ 4 mil mensais para a manutenção. “Os moradores de Barra Velha, parte de Araranguá, já usam os serviços de saúde e compram no comércio do Rincão e de Içara. O convênio somente vem para que a prestação dos serviços seja oficializadas”, explica Viana.

O vereador informou que aguarda o envio do projeto à Câmara para ser analisado e aprovado o mais breve possível. “Os moradores do lado de Araranguá ficam tristes quando a patrola arruma a estrada somente entre o limite entre os dois municípios e também quando fazem as limpezas dos valos somente no lado de Balneário Rincão, mas com a celebração deste convênio o atendimento será igual para todos”, espera.

O secretário de Administração de Araranguá, Alderi Antônio de Castro, confirmou que recebeu a comitiva rinconense e que a proposta está com o prefeito Mariano Mazzuco, que pediu para marcar um encontro com o prefeito Jairo Custódio e o secretário de Finanças de Balneário Rincão, Ramires Lino, para definir os últimos detalhes do documento para a assinatura do documento. O convênio também precisará da aprovação da Câmara de Vereadores de Araranguá.