Atlético Pedreira conquista Rinconense

44

Na final, equipe derrotou o E. C. Praia do Rincão por 2 a 0 e venceu pela segunda vez o título do municipal

O Atlético Pedreira foi campeão do Campeonato Rinconense de Futebol Amador ao vencer na grande final, disputada no domingo, o E. C. Praia do Rincão, por 2 a 0. Com apenas cinco anos de fundação e disputando a competição, o Atlético Pedreira vence o segundo título da história. O grande destaque da equipe são exatamente os dois jogadores da casa. Dedé, que além de atleta é presidente do Clube, e o seu filho Lukinha, que tem feito a diferença no ataque fazendo muitos gols. Na decisão deste domingo, os gols do título foram marcados exatamente pela dupla. Dedé fez o primeiro e Lukinha o segundo.

O confronto começou de forma equilibrada com as duas equipes buscando o ataque. Logo nos minutos iniciais, o Atlético mostrou que veio para vencer. Em lançamento longo, Rodriguinho chegou na cara do gol e bateu para boa defesa de Rodrigo. O Atlético ainda teve mais duas oportunidades. Uma com Lukinha, após jogada de Rodriguinho, que furou na frente do gol; e outra com Dedé, que tentou de cabeça, mas acabou não acertando.

O Praia também desperdiçou algumas chances e todas com o atacante Filipe, que travou um duelo particular com o goleiro Rudinei, o Loco. Na primeira oportunidade, Filipe recebeu cruzamento da direito e pegou de primeira no canto para grande defesa de Loco. Em nova jogada pela direita, Filipe recebeu de frente para o gol, mas chutou por cima do travessão. Na terceira chance, o Praia atacou em bloco e a bola sobrou para Filipe, que bateu de primeira, para mais uma excelente defesa de Loco. Com os goleiros se destacando, o primeiro tempo terminou no 0 a 0.

Para a segunda etapa, o técnico do Atlético, Juliano Cardoso, colocou Dudu no lugar de Reinaldo, para fazer a transição da defesa para o ataque e o Atlético voltou melhor, levando mais perigo para o gol adversário. O bom momento da equipe da Pedreira veio em jogada pela direita com Alemão cruzando na área e Dedé cabeceando para vencer o goleiro Rodrigo e fazer 1 a 0. Com o resultado reverso, o técnico Jair Canto do E.C. Praia do Rincão fez algumas alterações na busca do gol do empate.

O Praia teve uma ótima oportunidade de conseguir o empate, mas no bate e rebate, após a bola tocar na trave, o goleiro Loco fez mais uma grande defesa. Com os espaços cedidos pelo adversário, que buscava o ataque a todo o momento, o Atlético começou a levar mais perigo nos contra ataques. Em um deles, os jogadores Dudu e Lukinha fizeram uma bela troca de passes e a bola ficou limpa para Lukinha ampliar para 2 a 0.

O Praia sentiu o golpe do segundo gol e não acertou mais as jogadas, com o Atlético tocando a bola e fazendo o tempo passar. Com o apito final, os jogadores do Atlético foram comemorar com a torcida da Pedreira, que estava em maior número no estádio Delmiro Santiago Saturno. Após receber a premiação, os jogadores campeões pegaram o troféu e seguiram em carreata para a grande festa da conquista no bairro Pedreira.

Sucesso em família

As conquistas do Atlético Pedreira têm muito do trabalho familiar. Além da dupla artilheira Dedé e Lukinha, pai e filho, o grupo é considerado como se todos fossem da família. Ao marcar o primeiro gol deste domingo, Dedé mais uma vez foi fundamental na conquista. Em 2017, ele já havia saído nos braços da torcida, ao fazer o gol da vitória sobre o rival Brasil Pedreira, por 2 a 1, sendo campeão pela primeira vez.

Lukinha também comemorou o título. Ele foi o autor do segundo gol e assim como o pai vem fazendo a diferença marcando muitos gols. Somente neste campeonato, Lukinha marcou sete vezes, ficando na vice artilharia com sete gols. O artilheiro foi o atacante Safadão, do Rainha do Mar, com nove gols. “Fico muito feliz ao marcar e ajudar a equipe na conquista do título. A veia artilheira é de família”, ressalta o atacante.

Para o técnico Juliano Cardoso, o título também foi especial, pois foi a sua primeira conquista no Campeonato Rinconense. Ele avalia que a equipe começou a competição de forma irregular e somente garantiu a vaga para a segunda etapa ao golear o Barra Velha, por 7 a 0. Na segunda etapa, o Atlético passou pelo Garotos da Bola vencendo por 2 a 0, e na semifinal, passou pelo favorito Rainha do Mar, ao empatar no tempo normal, por 1 a 1, e vence na cobrança de penalidades, por 4 a 3.