Alfaces são comercializadas em projeto de escola de Içara

5

Intuito é fomentar a prática empreendedora com alunos da Escola Maria Arlete Lodetti

O empreendedorismo está presente nas salas de aula de Içara. Os alunos da Escola Maria Arlete Bittencourt Lodetti, do bairro Raichaski, em Içara, estão desenvolvendo o projeto “Escola Empreendedora, Semeando o Futuro”, que visa fomentar a prática do empreendedorismo, fazendo com que os alunos aprendam sobre práticas voltadas a esse assunto.

Ontem aconteceu a primeira venda, que reuniu familiares das crianças no pátio da escola. “São projetos desenvolvidos em sala de aula em que os alunos têm a possibilidade de conhecer um pouco sobre o mundo do empreendedorismo”, explicou a secretária de Educação, Gerusa Bolsoni.

Ao todo, foram colocadas 40 pés de alfaces dos tipos crespa e lisa, que foram cultivadas em hidroponia. “Essa foi a primeira venda e os alunos se empenharam bastante pra desenvolver esse projeto e ficamos felizes com esse retorno da comunidade”, disse a diretora Gabriela Biella.

O projeto contará também com a venda de beterraba, cenoura e couve rabana, que contou com plantação orgânica. “Os alunos trabalham com a plantação, cuidam, colhem e fazem a venda. Esse contato com o empreendedorismo é importante para que todos aprendam sobre esses processos”, comentou o mentor do projeto, vereador Alex Michels.

Ao todo, são 508 alunos de 1º ao 9º ano que estão envolvidos. Todo o projeto será visto nas disciplinas.