Projeto Aprender é Saudável é lançado no Paço Municipal

15

Parceria entre secretarias de Saúde e Educação busca incentivar crianças e adolescentes a ter uma vida mais saudável

Foi lançado ontem, o projeto ‘Aprender é Saudável’, no Paço Municipal Marcos Rovaris, em Criciúma. A iniciativa é das secretarias de Saúde e Educação e tem como objetivo promover uma série de ações a longo prazo para conscientizar e incentivar crianças e adolescentes da rede municipal de ensino a ter uma vida mais saudável através de alimentação saudável e prática de atividades físicas.

Segundo a coordenadora de Alimentação e Nutrição da Secretaria de Saúde, Ana Paula Aguiar Milanez, a ação deve ser feita em conjunto com a família. “Na infância, as principais causas de obesidade são o desmame precoce quando bebê, o sedentarismo por passarem muito tempo na internet, pouca prática de atividade física e o consumo desenfreado de alimentos processados. Por isso, nossas ações incluem os estudantes para também atingir os pais”, comentou.

Todas as unidades de saúde irão receber antropômetro e balança portáteis, para auxiliar no controle nutricional. “Nas escolas será feito um acompanhamento nutricional e teremos profissionais de Educação Física auxiliando na parte de exercícios. Também será entregue material de apoio para professores, alunos e pais. Faremos ações no planejamento diário dos professores, com relação a hábitos saudáveis em todas as disciplinas, não será mais exclusivo na matéria de Ciências”, explicou Ana Paula.

Conforme a secretária de Educação, Roseli de Lucca, a ideia surgiu após visitas feitas pelo prefeito nas escolas. “Ao visitar as escolas, o prefeito percebeu que muitas crianças estavam acima do peso e se reuniu com as secretárias de Saúde e Educação, assim também como a Diretoria de Comunicação, para que fosse estudado e pensado em uma ação para combater a obesidade infantil”, disse.

De acordo com o prefeito Clésio Salvaro, é preciso combater o sedentarismo causado pelo excesso de uso de tecnologia. “No meu tempo de criança a gente brincava de jogar bola e de correr, se movimentava mais. Hoje é tudo no controle remoto, a tecnologia ocupa muito tempo fazendo com que os exercícios sejam esquecidos”, recorda.

Dia do Desafio

Paralelo ao lançamento da campanha, foi realizado também o Dia do Desafio, que ocorre nacionalmente, em que pessoas param suas atividades durante 15 minutos para fazer atividade física supervisionada. Todas as unidades de saúde de Criciúma receberam uma cartilha com orientação e pararam às 15h para se exercitar.