Cursos EAD facilitam acesso à educação técnica e superior

12

Em 2020, as matrículas nesta modalidade cresceram 145% no Brasil

Da Redação

Flexibilidade para estudar quando e onde quiser, economia com material didático e transporte, e mensalidades mais baixas são algumas das vantagens já conhecidas dos cursos a distância. Com a pandemia, o que já estava popularizado em temos de oferta de cursos EAD, acabou sendo a saída para quem devia ficar em casa. Ou seja, houve também aumento da demanda. Os benefícios do EAD acabaram sendo reconhecidos pelos estudantes.

Gradativamente o aumento nas matrículas nos cursos a distância no país subiram. A quantidade chegou a ultrapassar as matrículas nos cursos de graduação presenciais. De acordo com o Mapa do Ensino Superior no Brasil 2020, as matrículas nessa modalidade cresceram 145% entre 2009 e 2018. A pesquisa, feita pelo Instituto Semesp, também mostra que esse crescimento foi de aproximadamente 17% entre 2017 e 2018.

Um dos motivos para o crescimento dos cursos EAD é o fato das mensalidades serem mais acessíveis e o custo geral mais baixo. Dessa forma, pessoas com renda mais baixa encontram mais facilidade em ter acesso ao ensino superior através da educação a distância. Outro fator importante é que a modalidade possibilita conciliar os estudos com outras atividades. Por isso, fica mais fácil trabalhar e estudar, por exemplo.

Uma das instituições que oferece cursos nesta modalidade é a Esucri/Uniasselvi. Na parceria das duas universidades surgiram novos cursos de nível superior. As graduações são voltadas a atender a demanda por profissionais na área de saúde, com ingresso ainda neste semestre.

Para o diretor da Esucri/Uniasselvi, professor Everaldo José Tiscoski, tecnólogos na área da saúde possuem formação de ensino superior e a vantagem de conclusão em um menor tempo. “Em um período de dois anos e meio, este profissional estará habilitado e portador de diploma de nível superior, apto para atuar com as competências exigidas na área de saúde. Um dos benefícios de um tecnólogo é o conhecimento adquirido em nichos específicos”, explica.

Entre os novos cursos de nível superior que serão ofertados pela Esucri neste semestre estão: Terapias Integrativas e Complementares; Instrumentação Cirúrgica; Técnicas para Telemedicina e Acompanhamento Terapêutico. “Todos com ampla oferta no mercado de trabalho para atuação em nossa região”, destaca Tiscoski.

O início do ano letivo de 2021 ocorrerá em 1º de março. Os estudantes têm aulas ao vivo via plataformas digitais, com aulas práticas realizadas nos laboratórios da Esucri/Uniasselvi e estágios em instituições conveniadas.