Içara registra a 10ª morte pelo novo coronavírus

13

Município está com 1.321 pessoas já recuperadas da doença e 320 casos suspeitos em acompanhamento

Içara, Criciúma e Região

Içara registrou ontem (28), a 10ª morte por covid-19. Trata-se de um homem de 73 anos, com comorbidades, que morava no bairro Presidente Vargas. A morte aconteceu no último 16, mas somente ontem houve a confirmação das causas do falecimento, que aconteceu em outro município.

Os dados atualizados de ontem mostram que Içara conta com 1.460 casos confirmados, sendo 1.321 curados, 117 em tratamento domiciliar, seis em tratamento hospitalar, seis em tratamento em UTI e agora, dez óbitos. São 320 casos suspeitos, sendo desses, 319 em domicilio e um em hospital e 993 pessoas seguem sendo monitoradas.

Para atender a população que tenha sintomas da Covid-19, o município dispõe do Centro de Triagem (CT) que desde a presente data concentra seus atendimentos no bairro Jardim Elizabete, funcionando de segunda a sexta-feira das 7h às 19h. Nos finais de semana, a população interessada deverá procurar o Hospital São Donato.

Quase 6.500 casos

Já em Criciúma, são quase 6.500 casos confirmados do novo coronavírus. O município já registrou 93 óbitos, sendo que as duas últimas foram confirmadas na sexta-feira (25). Uma foi confirmado após a Vigilância Epidemiológica ter feito uma retroavaliação na base de dados e acrescentado óbito de paciente residente em Criciúma. Trata-se de um homem, 93 anos, com comorbidades, a outra é de uma mulher, de 87 anos, com comorbidades.

Pela Amrec

Em Cocal do Sul, foram registrados três novos confirmados e uma cura por Covid-19. Desses três, um já apresentou uma resposta imune e já levou a cura. Os três confirmados, segundo a vigilância epidemiológica, são três homens com 20, 28 e 30 anos.

Em Lauro Müller, a Secretaria Municipal de Saúde confirmou ontem (28) mais seis novos casos de coronavírus. Agora são 573 pessoas infectadas com a Covid-19. O número de curas é de 519 pessoas.

Ontem, havia 30 pessoas em tratamento, três pessoas hospitalizadas e outra pessoa em UTI. Até agora foram registrados oito óbitos. No Centro de Triagem foram realizados 212 atendimentos, entre consultas médicas, monitoramentos, e ainda 77 testes (Teste Rápido e PCR, sendo 54 exames rápidos realizados em equipamento móvel).

Testagem em Siderópolis

Na próxima sexta-feira, dia 2, e no sábado, dia 3, os moradores de Siderópolis, maiores de 10 anos, terão mais uma oportunidade para realizar a testagem rápida para diagnosticar a Covid-19. A ação, promovida pela Secretaria Municipal de Saúde, será realizada das 8h30 às 16h30, nos dois dias, na Praça da Igreja Matriz, no Centro.

Para realizar o teste rápido, de forma gratuita, basta o morador apresentar o comprovante de residência e o Cartão do SUS ou CPF. Os interessados em fazer o teste não podem apresentar os sintomas da Covid-19. Os moradores com sintomas de Covid-19 devem procurar o Pronto Atendimento 24 Horas Hugo Stopazzolli. O Centro de Triagem não funcionará na sexta-feira, dia 2. Os funcionários, da estrutura montada na antiga sede da Apae, serão deslocados para a ação na Praça da Igreja Matriz.

Em Santa Catarina

Já o Governo do Estado informou ontem que há 213.066 pacientes com teste positivo para Covid-19 em Santa Catarina, sendo que 204.056 estão recuperados e 6.245 continuam em acompanhamento. O coronavírus causou 2.765 óbitos no estado até agora. Com isso, a taxa de letalidade é de 1,3%.

Casos de infecção pelo novo coronavírus já foram confirmados em todos os 295 municípios de Santa Catarina e 224 têm registro de ao menos um óbito. O local com a maior quantidade de casos é Joinville, que contabiliza 21.717 casos. Na sequência, aparecem Florianópolis (13.070), Blumenau (11.727), Itajaí (7.748), Balneário Camboriú (7.186), São José (7.089), Criciúma (7.022), Chapecó (6.625), Palhoça (5.911) e Brusque (5.628).

A taxa de ocupação dos leitos de UTI pelo Sistema Único de Saúde (SUS) em Santa Catarina é de 60%. Isso significa que, dos 1.556 leitos existentes no estado, 622 estão livres e 934 estão ocupados, sendo 234 por pacientes com confirmação ou suspeita de Covid-19.