Jorge Jesus confirma que está com covid-19

86

Treinador do Flamengo vai passar pelos cuidados do departamento rubro-negro e mandou recado para torcida

Rido de Janeiro

Na segunda-feira (16), o técnico Jorge Jesus confirmou que foi atingido pelo coronavírus e adquiriu a covid-19. Com isso, o treinador vai ficar sob os cuidados do departamento médico do Flamengo.

O técnico aproveitou as redes sociais para explicar sobre seus sintomas e o que está sentindo. Além disso, mandou um recado para a torcida rubro-negra, afirmou que está bem e que não está sentindo nenhum tipo de dor ou algo similar.

Vale lembrar que logo após Jorge Jesus ter anunciado que estava com a doença, o Flamengo fez questão de divulgar uma nota oficial para esclarecer qualquer dúvida que tenha ficado sobre o estado de saúde de seu funcionário e sobre quais procedimentos serão realizados para que o vírus não comprometa o funcionamento do organismo do português.

Recado

“Estou sob os cuidados do departamento médico do @flamengo e me sinto bem no momento. Fizemos uma contraprova e aguardamos o resultado. Agradeço desde já as mensagens de carinho e apoio que recebi de vocês. Obrigado, Nação”, escreveu Jorge Jesus.

Nota do Flamengo

“O Clube de Regatas do Flamengo informa que os testes para detectar a presença do covid-19 em atletas, comissão técnica e funcionários do departamento de futebol foram concluídos na tarde de segunda-feira (16). O clube informa que o treinador Jorge Jesus realizou um primeiro teste para o covid-19 e o resultado foi um positivo fraco ou inconclusivo. A contraprova do resultado está sendo realizada.

O Mister está sob os cuidados do departamento médico do Flamengo e apresenta quadro estável de saúde. A diretoria reitera o compromisso durante a pandemia do Coronavírus e anunciou a suspensão dos treinos da equipe profissional e das categorias de base ao menos por uma semana.

Atletas, integrantes do departamento de futebol e comissão técnica testaram negativo para o Covid-19. Vale ressaltar que o departamento de futebol seguirá as orientações do Ministério da Saúde durante a pandemia do Coronavírus.”