Aplicativo PMSC Cidadão tem ajudado atendimentos

44

Coronel Cosme Manique Barreto, comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), fez ontem avaliação do aplicativo

O coronel Cosme Manique Barreto, comandante do 9º Batalhão de Polícia Militar (9º BPM), fez ontem uma avaliação do aplicativo PMSC Cidadão, há dois meses funcionando em Criciúma. Segundo o comandante, a aplicativo tem apresentado resultados melhores do que os esperados.

O aplicativo oferece a oportunidade de acionamento a polícia apenas digitando, sem precisar falar. “É como se fosse uma conversa de WhatsApp. Se tiver a necessidade de comunicar uma ocorrência, pode chamar pelo aplicativo, que vai cair lá onde chegam todas as ligações do 190, só que passa muito mais detalhes”, contou.

Com o aplicativo, a PM tem informações prévias. “Na chamada via aplicativo, já irá aparecer a localização de onde a pessoa está e podemos identificar onde está o celular”, destacou.

O botão “pânico”, que as mulheres vítimas de violência podem acionar, fazendo com que o deslocamento de uma viatura seja mais rápido, não foi utilizado ainda. “Não precisa ligar. A mulher que está na situação de possível agressão só precisa apertar o botão de pânico e imediatamente a Polícia Militar recebe a informação e vai deslocar uma viatura”, contou o coronel.

O aplicativo podem ser instalado a partir do download na Google Pay (android) ou Play Store (IOS). A partir de novembro a ferramenta deve estar funcionando em mais cidades do estado.