PL para hasteamento das bandeiras e canto do hino perto de sair do papel

19

Projeto de lei visa desenvolver o patriotismo e valorização aos símbolos oficiais

O hasteamento das bandeiras do Brasil, Santa Catarina e Içara em escolas públicas e privadas do município, além da execução dos hinos nacional e municipal. Essa é a proposta de um projeto de lei que está prestes a sair do papel.

O PL do vereador Israel Rabelo, proposto em 27 de fevereiro, já tramitou em todas as comissões e foi aprovada em primeira votação. Nesta segunda-feira, o projeto vai para segunda votação e, em seguida, irá para o poder executivo, que decidirá se irá realizar a sanção. O projeto propõe

Dentre os objetivos citados na proposta estão: desenvolver o patriotismo, valorizar os símbolos oficiais federais e do município, compreender o significado do hino nacional e aprender sobre o hino de Içara.

“É um projeto que vem para somar na educação dos nossos adolescentes, tanto no ato da bandeira quanto na hora de cantar o hino, que também vem acompanhado com os objetivos de incentivo ao civismo e patriotismo”, explica o vereador.

De acordo com ele, existem duas leis no município que tratam deste assunto, porém, não são tão claras. “Essa proposta de lei acaba anulando as duas outras leis que não se complementam. Dessa forma, caso o projeto seja aprovado, deixará a lei mais esclarecida e completa”, lembra o vereador.

Segundo ele, é preciso resgatar a história e formar hábitos mais voltados para a questão social, para que o cidadão pertença a uma sociedade mais justa. “Eu costumo dizer que pessoa ama aquilo que conhece. Então, conhecendo mais os valores da pátria, a pessoa vai cuidar do que é pertencente a ela com patriotismo”, completa.

Sem mudança na rotina

De acordo com o prefeito de Içara, Murialdo Canto Gastaldon, o projeto de lei não altera a rotina da rede municipal de ensino. “É um projeto que não vai trazer efeito algum, porque as escolas já têm bandeira hasteada e já cantam o hino, até fazem a semana cívica”, explica.

Recordando

A execução dos hinos e hasteamento de bandeiras não é novidade em Içara. Segundo a coordenadora do Ensino Fundamental da rede de ensino do município, Eliane Magdalena, a regra vigente é cantar o hino nacional e o hino municipal uma vez por semana e cada escola tem a própria autonomia de gerenciar o ato cívico, que pode ser realizado com a execução dos hinos com os alunos dentro da própria sala de aula ou com as crianças posicionadas no pátio das respectivas escolas para o hasteamento e arriamento da bandeira.

“É muito importante resgatarmos esses valores de patriotismo para que a gente crie nas crianças essa vontade de fazer ações pelo bem do país, pela cidade e pelo meio onde se vive. Além de aprender a responsabilidade os direitos e deveres da sociedade”, explica Eliane. De acordo com a coordenadora, a intenção é retomar o patriotismo. “A gente veio perdendo isso (patriotismo) ao longo do tempo no país, mas felizmente estamos resgatando esse valor”, completa.