Comissão busca readequar o Plano Diretor de Içara

6

Encontros são realizados todas às quartas, para agregar ideias ao projeto do município

O Plano Diretor de Içara é pauta de discussão semanal na Câmara Municipal. De acordo com o presidente da comissão, o vereador Antônio de Mello, o Toninho, isso se faz necessário para que não haja uma expansão desordenada.

Neste momento, os trabalhos estão voltados para a questão do perímetro urbano de Içara, que será diminuído. “Haverá uma divisão em sete áreas e vamos trabalhar área por área. A partir desta quarta-feira, iremos conversar sobre a área rural do Plano Diretor”, explica o vereador.

As reuniões são feitas todas às quartas, às 17h30, entre a comissão que trata do assunto e a sociedade. O que tem faltado, porém, é a participação da comunidade. “Nós estamos com pouca participação popular. Esperávamos mais ideias e não temos tido essas ideias. Mas nós vamos continuar a fazer o mais perfeito possível”, afirma Toninho.

Expansão

Segundo o presidente da comissão, o município conta, atualmente, com uma extensão muito grande do Plano Diretor de perímetro urbano ao longo de rodovias. De acordo com ele, sem necessidade. “Então nós vamos concentrar mais a urbanização em torno dos centros. Por exemplo: centros como Boa Vista, Esplanada, Terceira Linha”, conta.

O vereador explica que o Plano Diretor é a espinha dorsal do desenvolvimento de qualquer município e, a partir do momento em que se determina o projeto, o município se desenvolve da melhor maneira possível. “Com um Plano Diretor, nós conseguimos limitar a quantidade de pavimentos, tipos de construções, definirmos as áreas industriais e a zonas residenciais”, explica.

A expectativa é de que o projeto seja votado e aprovado até o fim do ano. “Vamos fazer toda essa revisão do Plano Diretor, pois ele já está criado”, explica. Segundo ele, após a revisão ser feita, será convocada uma audiência pública e, após a aprovação em audiência pública, o projeto será colocado em votação.